Learn how the World Bank Group is helping countries with COVID-19 (coronavirus). Find Out

COMUNICADO À IMPRENSA

BM: Fortaleza revitalizará áreas urbanas e costeiras

28 de Abril de 2017


Programa beneficiará mais de 300 mil moradores da capital do estado do Ceará

WASHINGTON, 28 de abril de 2017 - Mais de 300 mil habitantes de Fortaleza, a capital do Estado do Ceará, se beneficiarão de um empréstimo de US$ 73,3 milhões aprovado hoje pela Diretoria Executiva do Banco Mundial para o Projeto de Desenvolvimento Urbano Sustentável de Fortaleza. Essa operação vai ajudar a melhorar o planejamento e o acesso da população pobre a serviços básicos do setor público; também vai ajudar o município a reduzir sua vulnerabilidade às mudanças climáticas e desastres naturais e a enfrentar desafios como a falta de espaços públicos de qualidade, a poluição e a capacidade limitada de investimento. O enfoque desse investimento será a melhoria do planejamento do uso da terra e o financiamento com base no território (land-based financing), bem como a promoção da recuperação urbana e ambiental de áreas selecionadas na Bacia Vertente Marítima e no Parque Rachel de Queiroz.

Fortaleza é a quinta maior cidade do Brasil, com uma população de quase 2,6 milhões de habitantes. A cidade cresceu muito rapidamente nas últimas décadas, resultando na invasão de áreas ambientalmente protegidas, parques e espaços verdes.

“Este projeto - e os investimentos a serem feitos em restauração ambiental, infraestrutura e reabilitação de áreas urbanas - dará início ao que pode ser um processo de transformação de longo prazo em nossa cidade ", diz Roberto Cláudio, prefeito de Fortaleza. "Trata-se de promover a inclusão social e um crescimento mais sustentável. Trata-se de tornar Fortaleza mais habitável, resiliente, competitiva e inclusiva ".

O Parque Raquel de Queiroz, batizado em homenagem à autora mais prestigiada do Ceará, tem 10 km de extensão e atravessa 14 bairros, formando a segunda maior área de conservação de Fortaleza. A área passará a contar com novas vias de acesso, pistas de caminhada, ciclovias e serviços básicos (incluindo iluminação, paisagismo, sinalização, mobiliário exterior e equipamentos desportivos).

Na área litorânea, ao noroeste da cidade, o projeto ajudará a melhorar a eficiência da rede de esgoto, contribuindo para reduzir as descargas e a poluição na linha costeira. Espera-se que o projeto aumente o índice de balneabilidade nas áreas selecionadas durante as secas - dos atuais 20% para 80%. Os investimentos incluem o tratamento de efluentes dos sistemas combinados de drenagem e esgoto e subsídios às conexões de esgoto em residências de baixa renda.

“Este projeto representa um primeiro passo na transformação a longo prazo de Fortaleza", explicou Martin Raiser, Diretor do Banco Mundial para o Brasil. “As atividades apoiadas pelo nosso financiamento vão melhorar a qualidade de vida da população mais pobre e promover o desenvolvimento econômico, gerando empregos, oportunidades para os jovens e incentivando a formação de comunidades. Esse é o tipo de desenvolvimento urbano integrado que gostaríamos de ajudar as cidades brasileiras a pôr em prática. ”

Este empréstimo de parcela única do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD) para o Município de Fortaleza é garantido pela República Federativa do Brasil e tem prazo de vencimento final de 24 anos, com período de carência de 6 anos.

Para mais informações, por favor, visite: www.worldbank.org/br
Visite a nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/bancomundialbrasil
Receba atualizações via Twitter: https:// www.twitter.com/bancomundialbr
Visite o nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/alcregion2010

Contatos com a mídia:
Em Washington
Mauro Azeredo
tel : (+1 202) 458-0359
mazeredo@worldbank.org
Em Brasília
Candyce Rocha
tel : (+55 61) 3329-1059
crocha@worldbank.org

COMUNICADO À IMPRENSA Nº
2017/229/LAC

Api
Api