Learn how the World Bank Group is helping countries with COVID-19 (coronavirus). Find Out

REPORTAGEM

Rio+20: Os oceanos precisam de mais proteção

25 de Maio de 2012

Image

Os oceanos cobrem 71% do planeta e dão sustento a bilhões de pessoas.

© Edwin Huffman / World Bank

DESTAQUES DO ARTIGO
  • Para 1 bilhão de pessoas, os peixes marinhos são as principais fontes de proteína alimentar
  • De todas as fontes de pesca marinha, 85% correm perigo
  • O Banco Mundial faz parte da Parceria Global para os Oceanos, que mobiliza conhecimentos e recursos pela preservação dos mares

Durante a primavera de 2012 no Hemisfério Norte, o Banco Mundial reuniu 130 dos principais especialistas mundiais nos temas de saúde e uso dos oceanos — entre os quais integrantes de governos, organizações internacionais, cientistas e indústria — para formar a Parceria Global para os Oceanos, a fim de começar a enfrentar os problemas da pesca excessiva, da degradação marinha e da perda de hábitats. Essa parceria inclui o estabelecimento de metas de ação para os próximos 10 anos.

Os oceanos proporcionam segurança alimentar — fornecem cerca de 15% de todas as proteínas da alimentação —, proteção costeira e segurança econômica para bilhões de pessoas. Mas a má gestão, o desenvolvimento e a poluição fizeram com que 85% de todas as fontes de pesca fossem excessivamente exploradas, esgotadas ou entrassem em recuperação. Além disso, levaram à destruição de 35% das florestas de manguezais e 20% dos recifes de corais.

Na Rio+20, procuraremos compromissos para melhorar a proteção marinha, incluindo implementar compromissos de acordos assumidos na Rio-1992, em Joanesburgo-2002 e em Nagoya-2010. Queremos melhorar a segurança alimentar, reduzir a poluição e aumentar a cobertura das zonas marinhas protegidas.


Api
Api