COMUNICADO À IMPRENSA

Líderes e gestores de todo o mundo reúnem-se no Rio de Janeiro para o primeiro Metrolab da América Latina

16 de novembro de 2015


O crescimento acelerado das cidades tem feito com que dirigentes de todo o mundo busquem soluções inovadoras de planejamento e boas políticas urbanas. De 16 a 19 de novembro, gestores, urbanistas, técnicos e especialistas de mais de 15 áreas metropolitanas em todo o mundo estarão reunidos no Hotel Windsor Copacabana para o primeiro Metrolab da América Latina. O evento é organizado pelo Governo do Estado do Rio, através da Câmara Metropolitana, e pelo Grupo Banco Mundial. O projeto já teve sessões em Nova York, Mumbai, Seul, Dar es Salaam e Paris. A edição do Rio de Janeiro, que começa às 9h desta segunda-feira, contará com a presença do governador Luiz Fernando Pezão.

"Estamos nos esforçando para avançar na construção de um modelo de governança metropolitana alinhado com as decisões do STF e com o Estatuto da Metrópole”, afirmou o governador. “No ano passado, criamos a Câmara Metropolitana que, além de promover um ambiente de cooperação entre o estado e os municípios, tem atuado na elaboração de um plano integrado de desenvolvimento. O Banco Mundial é um aliado importantíssimo do Governo do Rio na conduta de prover qualidade de vida para os milhares de moradores da nossa Região Metropolitana".

O Metrolab-Rio vai abordar os desafios emergentes para as grandes cidades, tais como: a participação da sociedade civil no planejamento metropolitano; o uso de parcerias público-privadas; a aplicação de novas tecnologias para melhorar a prestação de serviços, monitoramento e resiliência; e estratégias de planejamento para atender a crescente demanda por serviços municipais.

"A cada mês, mais de cinco milhões de pessoas migram para as cidades nos países em desenvolvimento", disse Martin Raiser, Diretor do Banco Mundial para o Brasil. "À medida que as cidades se expandem de forma bem planejada e o crescimento metropolitano é bem administrado, é possível impulsionar o crescimento econômico nacional e criar oportunidades de emprego, educação, serviços e mobilidade. Me alegra constatar que a agenda do MetroLab Rio prevê discussões de temas tão importantes para o desenvolvimento urbano, como alternativas e arranjos de PPPs, planjemanto metropolitano e participação social”.

Além do governador, estarão presentes o Diretor Executivo da Câmara Metropolitana do Rio, Vicente Loureiro; e o Diretor do Banco Mundial para o Brasil, Martin Raiser.

Contatos com a mídia:
Em Rio de Janeiro
Marcos Galvão
tel : (21) 2333-0993
marcosgalvao2008@gmail.com
Em Brasília
Candyce Rocha
tel : (61) 3229-1059
crocha@worldbank.org
Em Brasília
Juliana Braga
tel : (61) 3329-1099
jbraga@worldbank.org



Api
Api