Image

Paloma Anos Casero

Diretora do Banco Mundial para o Brasil

Paloma Anos Casero é cidadã espanhola e economista com mais de 20 anos de experiência profissional. Paloma ingressou no Banco Mundial em 2001 como Jovem Profissional. Desde então, já ocupou vários cargos de gestão em departamentos técnicos em quatro regiões (América Latina, Leste Europeu, Oriente Médio e África).  Antes de se tornar Diretora do Banco Mundial para o Brasil, Paloma foi Diretora de Práticas Globais de Macroeconomia, Comércio e Investimentos.

Antes de ingressar no Banco Mundial, ela trabalhou no Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, na Comissão Europeia e na PricewaterhouseCoopers. Paloma tem mestrado em Economia e Políticas Públicas pela London School of Economics (LSE); Economia Internacional pela Université Libre de Bruxelles (ULB); e Macroeconomia e Finanças pela Universidad Pontificia de Comillas (ICADE). Ela fala inglês, francês, espanhol, português e russo.

Como Diretora de Práticas Globais de Macroeconomia, Comércio e Investimentos (2016-2019), Paloma já supervisionou uma equipe de mais de 180 funcionários. Ela foi Diretora Global do Banco Mundial responsável por questões relativas a dívidas e diretora regional de política econômica na América Latina, Oriente Médio e Norte da África, e África Subsaariana. Principais destaques: foi responsável pelo programa de trabalho conjunto sobre dívidas do Banco Mundial-FMI, Diretrizes do Banco Mundial sobre Riscos Fiscais das Parcerias Público-Privadas, Estrutura de Avaliação da Reforma dos Subsídios Energéticos do Banco Mundial e o Relatório Change of Wealth do Banco Mundial, vencedor do President’s Excellence Award do Banco; também foi responsável por operações de financiamento de políticas de desenvolvimento de alta visibilidade na Argentina (US$ 0,5 bi), Colômbia (US$ 0,7 bi), Etiópia (US$ 1 bi), Jordânia (US$ 1 bi) e Iraque (US$ 1 bi).

Como Gestora Setorial de Finanças e Setor Privado na Europa Oriental e Ásia Central (2012-2016), Paloma supervisionou mais de 40 funcionários e foi responsável pelo programa de empréstimos, no valor de US$ 2 bilhões, e pelo orçamento operacional de US$ 10 milhões, além de US$ 50 milhões em financiamento externo. Principais realizações: programas de assistência técnica reembolsáveis para melhorar o ambiente de investimentos, o empreendedorismo e a inovação - na Grécia, Espanha, Chipre, Turquia, Uzbequistão, Rússia, Polônia, Croácia, Cazaquistão; conclusão de 18 operações de empréstimo em apoio ao financiamento e desenvolvimento do setor privado; pesquisa inovadora em Big Data Analytics, que combinou conjuntos de dados de satélites, domicílios e produtos e venceu o President’s Award on Big Data Challenge do Banco Mundial. Paloma também recebeu o Prêmio de Excelência em Liderança do Banco Mundial.

Como Economista Líder e Líder de Setor no México e na Colômbia (com sede na Cidade do México, entre 2010 e 2012), Paloma supervisionou mais de US$ 3 bilhões em compromissos de empréstimos e um orçamento operacional de US$ 4 milhões. Principais realizações: realização de programas de assistência técnica reembolsáveis para administrar a volatilidade dos preços de commodities; programas de empréstimos subnacionais para melhorar a gestão fiscal e a prestação de serviços em nível subnacional; operações de política de desenvolvimento em Gestão de Risco Fiscal e Políticas Fiscais inclusivas; e as Mexico Policy Notes, publicações de alta visibilidade sobre reformas políticas prioritárias. Paloma também esteve à frente de artigos regionais sobre políticas fiscais anticíclicas e vulnerabilidade macrofinanceira na América Latina. Como Economista Sênior para a Argentina, Peru, Uruguai, Rússia e Tunísia (2005-2010), Paloma supervisionou US$ 2 bilhões em compromissos de empréstimos e liderou vários estudos sobre fontes de crescimento e revisões de gastos públicos.

Paloma é autora de diversos artigos de pesquisa: “Estimating Argentina’s Fiscal multipliers”, “Argentina Trade Patterns and Challenges”, “What Drives Firm Productivity Growth?”, Growth, Private Investment and the Cost of Doing Business in Tunisia”, “Fiscal and social impact of a nominal exchange rate devaluation in Djibouti” e “Public-private sector wage differentials and returns to education in Djibouti". Também é autora de publicações de alto perfil, incluindo: World Bank Flagship Report on Productivity Growth in Eastern Europe and Central Asia; World Bank Flagship Report on Governance and Development in the Middle East and North Africa e World Bank Regional Report “Is there a New Vision for Maghreb Economic Integration?”.


Contact
Paloma Anos Casero
tel : +55 (61) 3329-1000
Email


ÁREAS DE ESPECIALIZAÇÃO
  • Pobreza
  • Desenvolvimento Social