COMUNICADO À IMPRENSA

O Secretário-Geral da ONU e o Presidente do Banco Mundial indicam os membros do Conselho Consultivo da Iniciativa Energia Sustentável para Todos`

20 de abril de 2013

Os Chefes da ONU e do Banco Mundial indicam uma equipe para mobilizar uma ação voltada para o acesso universal à energia, dobrando os produtos renováveis e as taxas de eficiência energética.

Nova York e Washington, D.C., 19 de abril de 2013 – O Secretário-Geral das Nações Unidas Ban Ki-moon e o Presidente do Grupo Banco Mundial Jim Yong Kim anunciaram hoje os membros do Conselho Consultivo da Iniciativa Energia Sustentável para Todos, lançando uma nova fase importante de atividade para essa parceria público-privada global.

O Conselho Consultivo da Iniciativa Energia Sustentável para Todos inclui líderes globais de destaque em negócios, finanças, governos e sociedade civil. O lançamento do Conselho Consultivo, copresidido pelo Secretário-Geral da ONU e pelo Presidente do Banco Mundial, assinala a primeira vez em que os dois líderes dirigem em conjunto tal iniciativa, ressaltando a ênfase que cada instituição atribui ao fornecimento de energia sustentável para todos.

“A energia sustentável é o fio condutor que conecta o crescimento econômico, a equidade social, clima estável e meio ambiente saudável. O Conselho Consultivo dispõe da perícia e experiência de alto nível para ajudar-nos a alcançar nossa meta de fornecer energia sustentável para todos até 2030”, afirmou o Secretário-Geral.  “Esta iniciativa representa uma nova era de parceria com o Banco Mundial. Trabalhando em conjunto, estou certo de que podemos ajudar a transformar os sistemas energéticos do mundo”.  

Mais de 1,2 bilhão de pessoas não tem acesso à eletricidade e outros 2,8 bilhões usam combustíveis sólidos para cozinhar e aquecer suas casas. Trata-se de algo mortífero – expõe as pessoas a uma fumaça tóxica que mata cerca de 4 bilhões de pessoas por ano, afirmou Jim Yong Kim. “Proporcionar acesso universal à eletricidade e combustíveis domésticos seguros é condição fundamental para pôr fim à pobreza. Precisamos enfrentar esse desafio de forma sustentável que também leve em consideração o combate à mudança climática.”

A Iniciativa Energia Sustentável para Todos é uma parceria de múltiplos interessados entre governos, setor privado e sociedade civil. Lançada pelo Secretário-Geral da ONU em 2011, tem três objetivos interligados a serem alcançados até 2030: proporcionar acesso universal à energia moderna; dobrar a parcela de energia renovável no composto de energia global e dobrar a taxa mundial de melhoria da eficiência energética.

Os membros do Conselho Consultivo oferecerão orientação estratégica e atuarão como embaixadores mundiais da iniciativa, promovendo apoio de alto nível para ação em energia e mobilizando interessados em nome da Iniciativa Energia Sustentável para Todos. Outros membros do Conselho Consultivo serão anunciados após consultas adicionais aos interessados. 

Hoje o Secretário-Geral da ONU também nomeou os membros da Comissão Executiva da Iniciativa, constituída de 10 pessoas e que será chefiada por Chad Holliday, Presidente do Bank of America.  Em setembro de 2012 o Secretário-Geral designou o Sr. Kandeh Yumkella como seu Representante Especial para a Iniciativa Energia Sustentável para Todos na qualidade de Diretor Executivo.

A Iniciativa Energia Sustentável para Todos reúne liderança de alto nível proveniente de todos os setores da sociedade, utilizando o poder de mobilização global das Nações Unidas e do Banco Mundial e combinando os esforços de centenas de interessados do mundo inteiro.

A iniciativa tem demonstrado a capacidade de mobilizar compromissos de muitos bilhões de dólares, alavancar investimentos de larga escala, bem como utilizar e expandir rapidamente a rede de conhecimentos. Mais de 70 países aderiram à Iniciativa desde seu lançamento com apoio proveniente de todas as partes do mundo – incluindo Ministros da Energia da África, membros da Reunião Ministerial de Energia Limpa, Comissão Europeia e Pequenos Estados Insulares em Desenvolvimento. A Iniciativa está também mobilizando empresas, investidores e sociedade civil para executar ações sobre “iniciativas de alto impacto”, tais como eletrificação fora da rede, construção de eficiência energética, energia e saúde da mulher, bem como aquisição de energia renovável.

Membros do Conselho Consultivo e afiliações:

Setor privado

José Manuel Entrecanales, Presidente e Diretor Executivo, Acciona

Michael Liebreich, Diretor Executivo, Bloomberg New Energy Finance

Jean-Marc Ollagnier, Diretor Executivo do Grupo, Accenture Resources

Lutaf R. Kassam, Diretor-Gerente do Grupo, Industrial Promotion Services Limited

Mustapha Bakkoury, Diretor Executivo, Moroccan Agency for Solar Energy

Helge Lund, Diretor Executivo, Statoil

Ceri Powell, Vice-Presidente de Exploração Mundial, Royal Dutch Shell

Sultão Ahmed Al Jaber, Diretor Executivo e Diretor-Gerente, MASDAR

Sociedade civil, fundações e pessoas de destaque

Julia Marton-Lefèvre, Diretora-Geral, IUCN

Mary Robinson, Presidente, Mary Robinson Foundation

Strive Masiyiwa, Fundador da Carbon War Room; Presidente Executivo da Econet Wireless

Reema Nanavaty, Secretária-Geral, Self-Employed Women’s Association

Klaus Schwab, Presidente Executivo, World Economic Forum

Ratan Tata, ex-Presidente, Tata Group

Sheila Oparaocha, Secretária Executiva, Energia

Instituições financeiras

Donald Kaberuka, Presidente, Banco Africano de Desenvolvimento       

Luis Alberto Moreno, Presidente, Banco Interamericano do Desenvolvimento

Autoridades governamentais

Edison Lobão, Ministério de Minas e Energia, Brasil      

Christian Friis Bach, Ministro do Desenvolvimento, Dinamarca

Andris Piebalgs, Comissário de Desenvolvimento, Comissão Europeia  

Jyotiraditya Madhavrao Scindia, Ministro da Energia, Índia

Elizabeth Dipuo Peters, Ministra da Energia, África do Sul         

Gunilla Carlsson, Ministro da Cooperação para o Desenvolvimento, Suécia        

Justine Greening, Secretária de Estado de Desenvolvimento Internacional, Reino Unido  

Ólafur Ragnar Grímsson, Presidente, Islândia    

Sua Alteza Príncipe Abdulaziz bin Salman Al Saud, Vice-Ministro, Petróleo e Recursos Minerais, Arábia Saudita

Michael Spindelegger, Ministro das Relações Exteriores e Vice-Chanceler da Áustria

Organizações da ONU

Margaret Chan, Diretora-Geral, Organização Mundial da Saúde

Achim Steiner, Diretor Executivo, Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente

Helen Clark, Administradora, Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas e Presidente, UNDG

Gyan Chandra Acharya, Alto Representante da ONU, Países Menos Desenvolvidos, Países Mediterrâneos em Desenvolvimento e Pequenos Estados Insulares em Desenvolvimento 

Organizações internacionais

Suleiman Jasir Al-Herbish, Diretor-Geral, Fundo de Desenvolvimento Internacional da OPEP

Maria van der Hoeven, Diretora Executiva, Agência Internacional de Energia

Adnan Amin, Diretor-Geral, Agência Internacional de Energia Renovável (IRENA)

Membros da Comissão Executiva:

Heikki Holmås, Ministro do Desenvolvimento, Noruega

Luciano Coutinho, Presidente, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

Brian Dames, Diretor Executivo, Eskom

Rachel Kyte, Vice-Presidente de Desenvolvimento Sustentável, Banco Mundial

Robert Orr, Secretário-Geral Adjunto de Planejamento Estratégico, Nações Unidas

Leena Srivastava, Diretora Executiva, TERI

Andrew Steer, Presidente, World Resources Institute

Timothy Wirth, Vice-Presidente, Fundação das Nações Unidas

Carlos Pascual, Emissário Especial e Coordenador, Departamento de Estado dos Estados Unidos

Klaus Rudischhauser, Vice-Diretor Geral (EuropeAid), Comissão Europeia

Contatos com a mídia:
COMUNICADO À IMPRENSA Nº
2013/351/SDN