Esta página em:

COMUNICADO À IMPRENSA

Dez milhões de moradores do Rio Grande do Sul se beneficiarão de empréstimo de US$ 480 milhões

1 de maio de 2012

WASHINGTON, 1 de maio de 2012 – O Conselho de Diretores do Banco Mundial aprovou hoje um empréstimo de US$ 480 milhões para fortalecer o investimento público no Estado do Rio Grande do Sul. Através de um pacote de iniciativas “verdes”, o  Projeto de Grande Abrangência de Setores do Rio Grande do Sul (Swap) apoiará o desenvolvimento do setor privado, a modernização dos sistemas de educação e transportes do Estado e o aprimoramento do gerenciamento ambiental e de risco de desastres, beneficiando cerca de 10 milhões de pessoas.

“Com a concretização desta parceria com o Banco Mundial, o Rio Grande do Sul dará mais um passo sólido na consolidação de um novo patamar de desenvolvimento econômico e social, com qualificação dos serviços públicos e sustentabilidade. Vamos aumentar a qualidade da educação e investir e incentivar o uso de novas tecnologias”, disse o Governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro.

Quarta economia do País,  o Rio Grande do Sul passou recentemente por uma crise fiscal que resultou em cortes drásticos nos investimentos públicos e serviços, afetando desproporcionalmente os mais pobres. Os efeitos da crise também foram sentidos na infraestrutura rodoviária, crucial para o crescimento econômico e a integração aos mercados, e no sistema educacional, que caiu de sexto para o nono lugar no ranking nacional. O Rio Grande do Sul também sofre com a falta de um sistema de gerenciamento de risco de desastres, importante em um Estado cada vez mais afetado por fatores climáticos extremos. 

“O Rio Grande do Sul tem excelente potencial para superar essa crise fiscal e retomar o crescimento econômico. Essa parceria ajudará o governo a realizar esse objetivo”, afirmou Deborah L. Wetzel, Diretora do Banco Mundial para o Brasil. “O Estado combina uma força de trabalho bem treinada com uma forte base de empresas tecnologicamente sofisticadas, que podem servir de apoio para o objetivo de combinar crescimento com a prestação de serviços públicos eficientes e ambientalmente sustentáveis”.

O projeto apoia programas do governo do Estado, de maneira ampla e coordenada. Um Swap pode ter o apoio de vários instrumentos de financiamento – como programas de empréstimo adaptáveis, empréstimos de investimentos específicos e investimentos setoriais e empréstimos de manutenção.

O projeto inclui assistência técnica e financiamento para:

  • Aprimorar o planejamento e a priorização dos investimentos públicos e fortalecer o gerenciamento de recursos públicos;
  • Apoiar e constatar a eficácia das iniciativas para fortalecer a competitividade do setor privado;
  • Apoiar o Programa de Reabilitação e Manutenção de Rodovias do Estado (CREMA) e fortalecer a estrutura de planejamento;
  • Expandir o uso de tecnologia de informação e comunicação nas escolas; apoiar a renovação das unidades escolares;
  • Desenvolver e implementar um sistema de coordenação e de monitoramento de  risco de desastre ambiental , e melhorar a eficiência do sistema de licenciamento ambiental do Estado.

Esse empréstimo do  Banco Internacional para  Reconstrução e Desenvolvimento (Bird) ao  Estado do Rio Grande do Sul é garantido pela República Federativa do Brasil e tem 30 anos de maturidade e quatro anos de carência.

Contatos com a mídia:
Em Brasília

Juliana  Braga
tel : (+55 61) 3329-1099

Em Washington

Marcela  Sanchez-Bender
tel : (+1 202) 473-5863

COMUNICADO À IMPRENSA Nº
2012/420/LAC